Paysandu Sport Club  Selo do centenário
Logotipo Sócio Bicolor - Seja você mais um sócio Bicolor!
  • 1mil
  • 2mil
  • 3mil
  • 4mil
  • 5mil
  • 6mil
  • 7mil
  • 8mil
  • 9mil
10mil
Sócios
Bicolores!
Adimplentes
Já somos Sócios Bicolores Adimplentes
HOMENOTÍCIAS Institucional Nova Presidência toma posse no Paysandu
17 de Janeiro de 2019

Nova Presidência toma posse no Paysandu

Na noite desta quinta-feira (17), foi realizada, no Salão Nobre da Sede Social do Paysandu Sport Club, a sessão solene de posse da nova Presidência do clube. Na ocasião, o presidente da Diretoria Executiva, eleito para o biênio 2019/2020, Ricardo Gluck Paul, fez o juramento oficial e recebeu a faixa presidencial das mãos do ex-presidente Tony Couceiro. O evento contou com a presença de membros do Conselho Deliberativo, Assembleia Geral, Conselho Fiscal, beneméritos, grandes beneméritos, ex-atletas, familiares, torcedores e representantes do Estado, como Arlindo Silva, secretário de Esporte e Lazer, Ruy Cabral, secretário de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas, e Braselino Assunção, presidente do Banpará.

Apesar de ter nascido em uma família tradicionalmente bicolor e estar acostumado a participar de eventos como o de hoje, Ricardo Gluck Paul, aos 41 anos, não escondeu seu nervosismo em ser o protagonista da noite e receber, de fato, todas as responsabilidades que terá pelos próximos dois anos. “Como pessoa, eu sempre convivi aqui no Paysandu e é difícil dizer quantas cerimônias como essa eu já assisti, mas é inegável que a gente fica emocionado sim, quando a gente se depara com essa situação de estar sendo empossado hoje pelo Conselho Deliberativo. Agora, sendo muito honesto, ela vem carregada de muita responsabilidade, de muito frio na barriga. Tem que saber que se está preparado até um certo ponto, porque tem que saber que você vai ter que buscar mais durante o mandato, então eu acho que essa sensação, esse senso de responsabilidade, acaba cobrindo um pouco de um possível deslumbramento“, afirmou.

O presidente esteve acompanhado da sua família na noite especial

Eleito no dia 28 de novembro de 2018, Ricardo Gluck Paul e seus vices-presidentes Maurício Ettinger, de Gestão, e Ieda Almeida, de Operações, começaram a trabalhar desde o dia seguinte ao pleito, muito antes da cerimônia de posse oficial, o que, segundo o novo presidente, não tira a importância do evento. “É uma solenidade, uma festa, muito importante para o lado social do clube, mas em relação ao trabalho não muda nada. Continuamos trabalhando realmente desde a época de transição, vindo de uma continuidade que já dá para conhecer um pouco o que é o clube, mas diria que a cada dia a gente tem uma maior noção do desafio que se apresenta. É realmente um desafio muito grande, no qual estamos fazendo uma série de cortes de orçamento, que vem sendo um dos principais desafios neste início de temporada, em paralelo com a formação do time, para que a gente possa estrear no campeonato da melhor forma possível”, destacou.

Pensamento também compartilhado pela sua vice-presente, Ieda Almeida, que aos 51 anos, tornou-se a primeira mulher na história a ocupar um cargo na Presidência do clube bicolor. “Com certeza um desafio grande, a gente sabe disso, mas quando a gente busca acima de tudo conquistar o nosso torcedor, mostrar, conscientizar da importância dele junto ao clube, aí a gente vai longe. É isso que nós queremos, ir longe, ao lado do nosso torcedor!”, revelou.

Torcedor símbolo, Walter Papão entregou um recado para o presidente

Ex-diretora de Responsabilidade Social do clube, Ieda agora assume o cargo de vice-presidente de Operações, que terá a missão de gerenciar outros diferentes setores do clube. “É uma parte bem desafiadora, que envolve núcleos bem difíceis, como a segurança, a parte jurídica, a parte social, não só de responsabilidade social, mas da relação com o nosso torcedor, então não é nada fácil, mas vamos procurando levar a frente este desafio, contando com o torcedor do nosso lado a gente vai longe com certeza”, projetou a dirigente.

Já para Maurício Ettinger, ex-diretor Administrativo, que aos 59 anos tornou-se vice-presidente de Gestão, a atual realidade em que o clube se encontra exige um outra dificuldade fundamental para colher o sucesso mais à frente. “O principal desafio é o jeito de pensar. Perdemos uma receita muito grande, então temos que adaptar os pensamentos, o jeito de trabalhar e o desafio é seguir em frente, continuar”, disse.

Ricardo Gluck Paul exigiu a mensagem que reforça a nova filosofia do clube

Para Ettinger, que já possui um amplo trabalho desenvolvido na área administrativa do clube, apesar de todas as dificuldades momentâneas, os próximos passos serão com o objetivo de dar continuidade ao trabalho que já vem sendo realizado nos últimos anos, para que os frutos possam ser colhidos em breve. “Vamos continuar o trabalho que a gente já vem fazendo com o grupo há seis anos. O Paysandu está se organizando muito bem administrativamente, vai continuar crescendo. Vai ser um ano apertado, um ano de adaptação, principalmente em mudar o jeito de pensar, mas que dá para passar sem problemas. Vamos em frente e voltar para a Série B este ano, que é a filosofia que todos vão correr atrás”, garantiu.

Além de muito trabalho e a união de todos, um outro fator também será determinante para que o Paysandu conquiste os seus principais objetivos: o resgate da simbiose entre clube e torcida, fator que, segundo o novo presidente bicolor, também faz parte de um dos seus principais objetivos enquanto estiver na patente máxima do Papão. “Eu diria que se a gente tirar as metas de lado, que são os títulos e o retorno à Série B, eu tenho como motivação institucional recuperar o binômio torcida x time. Fazer voltar o torcedor, fazer o Paysandu voltar a ser popular e fazer o torcedor ser efetivamente o maior impulsionador do clube. Confesso que essa é a minha maior motivação!”, concluiu.

Algumas autoridades também prestigiaram a solenidade de posse da Presidência

Além da Presidência, alguns diretores também foram empossados nesta quinta-feira. Confira:

Diretor Administrativo e Sede Social: Cláudio Rogério

Diretor de Futebol: Felipe Albuquerque

Diretor de Obras e Patrimônio e Estádio: Leonardo Maia

Diretor Financeiro: Aberlardo Serra

Diretor de Saúde: Joaquim Ramos

Diretor Náutico: Antônio Couceiro

Diretor do Sócio Bicolor: Erick Almeida

Diretor da Lobo: Emmanuel Athayde

Diretor das Divisões de Base: Alessandro Buraslan

Diretor de Futsal: Mauro Negrão

Diretor Jurídico: Alexandre Pires

Diretor Comercial: Clóvis Abnader

Diretor de Comunicação e Marketing: Yussef Leitão

Diretor de Segurança: Welington Melo 

Diretor de Responsabilidade Social: Marcelo Maciel

Diretor de Projetos: Roberto Ribeiro

Diretor de Basquete: Márcio Bastos

Texto: Jorge Luiz
Imagem: Jorge Luiz








  • Compartilhe
    o site do Papão

  • Siga no Twitter

    @Paysandu
PATROCINADORES

Alubar Armazém Paraíba Banpará Drogarias Globo Husqvarna Mirella - Farinha de Trigo Trigolino Sky