Paysandu Sport Club 
Logotipo Sócio Bicolor - Seja você mais um sócio Bicolor!
  • 1mil
  • 2mil
  • 3mil
  • 4mil
  • 5mil
  • 6mil
  • 7mil
  • 8mil
  • 9mil
10mil
Sócios
Bicolores!
Adimplentes
Já somos Sócios Bicolores Adimplentes
HOMENOTÍCIAS Série C 2019 Marcação escandalosa da arbitragem tira (...)
08 de Setembro de 2019

Marcação escandalosa da arbitragem tira acesso do Paysandu

Um pênalti inexistente marcado por Leandro Pedro Vuaden a 30 segundos do fim da partida tirou o Paysandu Sport Club da Série C do Campeonato Brasileiro. O prejuízo foi causado pelo experiente árbitro gaúcho na partida disputada na noite deste domingo (8), no Estádio dos Aflitos, em Recife, onde o time bicolor vencia o Náutico-PE por 2 a 1 até 49 minutos e 30 segundos do segundo tempo, quando o juiz, que estava muito próximo do lance, decidiu dar a penalidade após uma bola cortada por Caíque Oliveira que bateu em Uchôa no sentindo contrário ao do gol. Com o empate no tempo regulamentar, os pernambucanos venceram por 5 a 3 nos pênaltis no jogo de volta das quartas de final da competição.

Assim como na primeira partida, em Belém, novamente o Papão foi superior durante os 90 minutos. Mesmo fora de casa, a equipe comandada pelo técnico Hélio dos Anjos encurralou o adversário no campo de defesa. Aos 24 minutos do primeiro tempo, Vinícius Leite cortou para o meio e mandou uma bomba do meio da rua para abrir o placar. Aos 41, Nicolas foi lançado por trás da zaga, passou pelo goleiro e finalizou, mas Camutanga salvou os donos da casa.

O Papão jogou apoiado pela sua torcida, que mais uma vez esteve presente fora de casa

No segundo tempo, logo aos nove, Thiago Primão tabelou com Tony, que cruzou para Nicolas, de letra, marcar um golaço e ampliar a vantagem bicolor. Aos 19, Wilian Simões cruzou e Álvaro, de cabeça, descontou. Em jogada rápida de contra-ataque, aos 34 minutos, Nicolas deixou Uchôa de frente com Jeferson, que defendeu o chute rasteiro do volante.

O lance que decidiu o rumo da partida ocorreu aos 49 minutos e 30 segundos – o árbitro deu cinco minutos de acréscimo. Após cruzamento na área bicolor, Caíque Oliveira cortou de cabeça e a bola acertou Uchôa, que estava com o braço totalmente colado ao corpo, como permite a regra. No entanto, Leandro Pedro Vuaden ignorou e deu pênalti. Jean Carlos converteu.

Vinícius Leite colocou o time bicolor em vantagem no primeiro tempo da partida

Nas cobranças de pênaltis, todos os jogadores do Náutico-PE acertaram as finalizações. Pelo lado bicolor, Wellington Reis parou na defesa de Jeferson.

Imediatamente após o final da partida, os torcedores da equipe da casa invadiram o gramado e ameaçaram jogadores e integrante da comissão técnica bicolor, que saíram de campo hostilizados, empurrados e até cuspidos. Um dos invasores fez menção de puxar uma arma em direção do grupo antes da descida para o vestiário, mas foi contido pela Polícia Militar.

No meio da confusão, o odontólogo Fernando Augusto foi agredido com uma garrafada no estômago. Houve registro de boletim de ocorrência.

O árbitro Leandro Pedro Vuaden marcou um pênalti inexistente contra o Paysandu

O Paysandu volta a campo nesta quarta-feira (11), às 21h, no Estádio Mangueirão, para enfrentar o Bragantino, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Verde.

FICHA TÉCNICA

Náutico-PE (5) 2x2 (3) Paysandu

Data: 08/09/2019

Hora: 18h

Local: Estádio dos Aflitos, em Recife (PE)

Renda e público: não divulgados

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Assistentes: Leirson Peng Martins e Lucio Beirsdorf Flor (RS)

Cartões amarelos: Matheus Carvalho (N); Uchôa, Caíque Oliveira, Thiago Primão, Nicolas e Mota (P)

Cartões vermelhos: Diego (N); Perema (P)

Náutico-PE: Jeferson; Hereda, Diego, Camutanga e Wilian Simoões; Josa, Jimenez (Jhonnatan) e Jean Carlos; Thiago (Matheus Carvalho), Rafael Oliveira (Wallace Pernambucano) e Álvaro. Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

Paysandu: Mota; Tony, Micael, Perema e Bruno Collaço; Wellington Reis, Uchôa e Thomas Bastos (Thiago Primão [Caíque Oliveira]); Hygor Silva, Nicolas e Vinícius Leite (Diego Rosa). Técnico: Hélio dos Anjos.

Texto: Jorge Luís Totti
Imagem: Jorge Luiz














  • Compartilhe
    o site do Papão

  • Siga no Twitter

    @Paysandu
PATROCINADORES

Alubar Unimed Belém Banpará Bet Warrior Vegan Nation Drogarias Globo Draft Super Zero Mirella - Farinha de Trigo Trigolino Sky