Paysandu Sport Club 
HOMENOTÍCIAS Futebol 2020 Equipe feminina se apresenta para iniciar os (...)
17 de Janeiro de 2020

Equipe feminina se apresenta para iniciar os trabalhos

Em um evento realizado na manhã desta sexta-feira (17), no auditório do Hotel Antônio Diogo Couceiro, no Estádio da Curuzu, o grupo de futebol feminino do Paysandu Sport Club se apresentou para dar início aos trabalhos em 2020. Jogadoras, integrantes da comissão técnica e a Presidência do clube se reuniram por cerca de meia hora.

No primeiro encontro do ano, não houve nenhuma atividade física. A partir da próxima semana, as atletas vão começar a passar por avaliações físicas e exames médicos. “A nossa equipe vem se renovando. Hoje estamos aqui com 60% do plantel, porque algumas ainda estão de férias, vão se reapresentar na segunda-feira, e outras estão vindo do Colégio Santa Madre, através de uma parceria que nós fizemos. Vamos, se Deus quiser, montar uma equipe bastante forte, para tentar fazer uma bela campanha no estadual”, afirmou a técnica Aline Costa.

A treinadora explica que este ano o Campeonato Paraense na categoria principal será disputado no primeiro semestre, enquanto o sub-20 passará para o segundo. “Foi o que nos acertamos ano passado, porque o adulto passa muito tempo sem ter uma competição. Agora a federação colocou o adulto para o primeiro semestre e vamos dar continuidade ao trabalho que terminou em dezembro e começou agora em janeiro. Isso vai dar condicionamento a todas as equipes para nós fazermos um belo campeonato”, ressaltou.

A técnica Aline Costa está no time feminino bicolor desde o início do projeto

Em 2020, o Parazão Feminino chegará à sua quinta edição consecutiva. Apesar das melhorias e avanços em alguns aspectos, a treinadora lembra que ainda é preciso evoluir muito mais. “O que a gente vem pedindo não é desse ano, mas sim há vários anos, que é respeito e valorização da modalidade. Por que o nosso estado tem que ser o último a ser grande? Não pode ser assim. A gente vê no Sul e Sudeste todo mundo investindo, fazendo mídias com o profissional masculino. A diferença lá e masculino e feminino, aqui é profissional masculino e amador feminino. Não pode ser assim, nós temos que andar junto com o masculino. Temos que ter essa valorização. Um apelo que eu faço é que nós do futebol feminino lutemos pela nossa modalidade, para que os nossos governantes possam nos olhar com mais carinho. Assim como teve um lançamento do futebol masculino, por que não fazer o mesmo com o feminino?”, questionou Aline Costa.

A vice-presidente de Operações Ieda Almeida falou com as atletas na apresentação

A vice-presidente de Operações Ieda Almeida participou da conversa com o time, que tem recebido apoio da Diretoria, em busca da conquista do estadual. “É um título muito esperado, com certeza. Desde o ano passado, a gente tem procurado dar um apoio maior para o futebol feminino. Essas meninas são verdadeiras guerreiras. E além do Paysandu procurar estar dando esse apoio, nós também estamos procurando os órgãos públicos responsáveis, que eles também olhem o futebol feminino com carinho, respeito e amor. E vejam e valorizem essas moças e essa equipe técnica que tem todo um trabalho e que quer ver esse trabalho respeitado. Eu acho que o futebol feminino está em uma crescente no país inteiro e todo time grande tem que valorizar o futebol feminino. É por isso que nós estamos aqui, procurando conversar com as meninas, estar presente na apresentação delas, para mostrar que o clube está com elas sempre”, finalizou.

Texto: Jorge Luís Totti
Imagem: Jorge Luiz














  • Compartilhe
    o site do Papão

  • Siga no Twitter

    @Paysandu
PATROCINADORES

Alubar Unimed Belém Banpará Drogarias Globo Draft Super Zero Mirella - Farinha de Trigo Trigolino Sky