Paysandu Sport Club 
HOMENOTÍCIAS Institucional Torcedor que trabalhou no clube em 1998 doa (...)
29 de Fevereiro de 2020

Torcedor que trabalhou no clube em 1998 doa R$ 45 mil para realizar sonho do CT

O anúncio do início da construção do Centro de Treinamento Raul Aguilera mexeu com a Fiel. Menos de 12 horas depois da divulgação do evento de assinatura de contrato que será realizado na próxima quinta-feira (5), o engenheiro florestal Alexandre Mesquita, que trabalhou como bilheteiro no Paysandu Sport Club há 22 anos, manifestou em rede social interesse em colaborar com os primeiros serviços, por meio da sua empresa, ASM Engenharia Florestal, para fazer a fiscalização das obras. O clube havia anunciado a contratação de uma consultoria pelo valor de R$ 60 mil. Diante desta informação, o torcedor se propôs a realizar o mesmo serviço pelo preço de custo, R$ 15 mil, concretizando uma doação em formato de desconto de 75%, ou seja, R$ 45 mil.

“A história da minha formação profissional passa por dentro dos portões do Estádio da Curuzu. Em 1998, eu prestava serviço para o clube como bilheteiro e nas catracas em dia de jogos. Foi com essa renda que eu paguei meu cursinho e consegui me sustentar enquanto acadêmico. É uma grande satisfação hoje poder dar esse retorno ao clube que tanto amo”, afirmou o mais novo colaborador do Papão, que também é mestre em Botânica pela Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) há 12 anos.

Alexandre Mesquita vai doar R$ 45 mil para o clube em forma de desconto no serviço

Sempre por dentro das manifestações publicadas nas redes sociais, o presidente Ricardo Gluck Paul, ao ler a postagem do torcedor, imediatamente se mobilizou para localizá-lo. “A gente estava tomando café hoje de manhã, por volta das 8h, e aí eu corri atrás do contato dele, buscamos informações sobre a empresa e acertamos tudo. O Maurício (Ettinger, vice-presidente de Gestão) conduziu a negociação e finalizou os detalhes. Isso mostra mais uma vez a força da torcida. A gente agradece imensamente essa mobilização. Postamos a matéria ontem à noite e a repercussão tem sido gigantesca. Volto a dizer, eu já vivi isso no passado quando ajudamos a concluir a arquibancada central da Curuzu e agora vejo outro torcedor vivendo o mesmo. Eu já vi muitos torcedores fazendo cada coisa que é capaz de nos emocionar. Se um já faz isso, imagina dois milhões de torcedores se mobilizando pelo CT. Esse sonho não é só do Paysandu, é também da torcida e é ela que vai fazê-lo virar realidade”, destacou o dirigente, que também está com a vice-presidente de Operações, Ieda Almeida, em Bragança, onde o time enfrenta o Bragantino, neste sábado (29), pelo Parazão 2020.

O presidente da Comissão de Obras do CT explica que a primeira etapa do projeto será executada por duas empresas. “Uma vai fazer a supressão vegetal e a outra fará um trabalho de supervisão que talvez seja mais importante do que a primeira. Vamos seguir todas as normas para não causarmos nenhum tipo de dano ao meio ambiente. A empresa tem de acompanhar tudo, dizer de que forma tem de fazer o serviço e no final vai fazer um relatório para dizer que o Paysandu executou todas as normas exigidas pela Semma, porque formamos vários compromissos com este órgão”, detalhou o conselheiro João Bosco.

Assista ao vídeo que mostra como será o Centro de Treinamento do Paysandu

A ASM Engenharia Florestal é uma empresa de consultoria que há seis anos oferece serviços de execução e gestão de projetos ambientais e florestais no Norte do Brasil. Atua com uma equipe especializada em licenciamento ambiental, regularização fundiária, execução de estudos faunísticos e florísticos, além de Programa de Regularização Ambiental (PRA) e recuperação florestal.

O contrato com as empresas será assinado na próxima quinta-feira (5), às 13h30, na entrada da área do CT, localizado na rua Osvaldo Cruz, bairro de Águas Lindas, em Belém. Além da Diretoria, o técnico Hélio dos Anjos, o atacante Nicolas e vários atletas que subiram da base também estarão presentes no evento. Neste dia, o clube lançará um projeto de adesão em massa para a torcida colaborar com as obras.

Texto: Jorge Luís Totti
Imagem: Jorge Luiz e arquivo pessoal














  • Compartilhe
    o site do Papão

  • Siga no Twitter

    @Paysandu
PATROCINADORES

Alubar Unimed Belém Banpará Bet Warrior Vegan Nation Drogarias Globo Draft Super Zero Mirella - Farinha de Trigo Trigolino Sky